2 Broke Girls 5ª Temporada Torrent Outubro 2016 | Filmes Mag Torrent Download De Filmes E Séries Em HD, 720p, 1080p, 3D

BATMAN O RETORNO TRAILER

BATMAN O RETORNO

batman o retorno torrent
Data de lançamento desconhecida (2h 06min)

Direção: Tim Burton

Elenco: Michael Keaton, Michelle Pfeiffer, Danny DeVito mais

Gêneros Aventura, Ação, Fantasia, Suspense

Nacionalidades Reino unido, Eua


Ver Trailer







SINOPSE E DETALHES

Com o objetivo de manipular Gotham City, um milionário (Christopher Walken) tenta transformar o Pinguim (Danny DeVito), um ser deformado que tinha sido abandonado ainda bebê nos esgotos, em prefeito da cidade. Como se isto não bastasse, surge a Mulher-Gato (Michelle Pfeiffer) que, apesar de ser linda e sedutora, também tem dupla personalidade, em razão de problemas no passado. Ambos se tornam verdadeiros pesadelos para Batman no presente.

Título original              Batman Returns

Distribuidor                 Warner Home Video (Brazil)

informações detalhados 

Cinefiando

CINEFIANDO CRÍTICA: O HOBBIT – UMA JORNADA INESPERADA

Hobbit torrent

O Hobbit: Uma Jornada Inesperada

(The Hobbit: An Unexpected Journey)

Ano: 2012

Gênero: aventura

Mídia: cinema

Trailer

Crítica por  Thiago Mendes.

Após anos de indefinição, seguidos adiamentos, e até mesmo o risco de cancelamento definitivo, finalmente uma estreia muito esperada torna-se realidade.

O Hobbit: Uma Jornada Inesperada é a primeira parte da nova trilogia adaptada a partir da obra do autor inglês J.R.R. Tolkien (1892-1973). Desta vez as ações acontecem décadas antes da demanda do Anel,

retratada nos três episódios de O Senhor dos Anéis (2001, 2002 e 2003).

Mais uma vez sob a direção e produção de Peter Jackson, e aos cuidados da mesma equipe responsável pelo sucesso da trilogia anterior, O Hobbit conta como Bilbo Bolseiro (Martin Freeman – O Guia do Mochileiro das Galáxias, 2005), um típico hobbit, pacato e recluso, toma parte na longa e árdua missão dos anões, que com a ajuda do mago Gandalf (novamente interpretado por Ian McKellen), planejam reconquistar sua antiga cidade-fortaleza, Erebor. É durante essa inesperada jornada que o “Um Anel” cruza com os caminhos de Bilbo, para anos mais tarde desencadear tudo o que se viu na trilogia do Anel.

Depois dos imbrólios judiciais* envolvendo Peter Jackson, familiares de Tolkien e a New Line Cinema – braço da Warner responsável por O Senhor dos Anéis – que tanto atrasaram a adaptação de O Hobbit, o diretor parece querer recompensar os fãs da saga (e arrecadar mais, é claro), ao ampliar de duas para três partes a nova produção. Ainda assim, mantendo em torno de 3 horas a duração de cada uma delas, o que, em termos comerciais, pode ser uma faca de dois gumes. Entenda: enquanto os três filmes da saga do Anel, também com cerca de 3 horas de duração cada, foram adaptados a partir das mais de 1200 páginas da obra original, O Hobbit mal ultrapassa 300 páginas. Conclui-se, portanto, que poucos trechos ficarão de fora da versão cinematográfica.

Ou seja, se por um lado os fãs serão brindados com a riqueza de cenas e maior fidelidade à obra original, por outro lado os menos aficionados, ou que não tiveram contato com a trilogia anterior, podem se incomodar com a extensão de determinadas sequências e diálogos, muitos deles justificados pela presença de personagens que depois estarão diretamente envolvidos na demanda do Anel.

No entanto, nada tira o brilho da excelência visual e sonora mais uma vez alcançada por Jackson e equipe. Mérito, também, para a montagem do elenco, que volta a reunir nomes importantes da trilogia anterior. Além do já mencionado Ian McKellen (Gandalf), temos Cate Blanchett (Galadriel), Hugo Weaving (Elrond), Christopher Lee (Saruman), e o talentoso Andy Serkis, que mais uma vez dá vida ao asqueroso e solitário Gollum. Há, ainda, a participação de Elijah Wood (Frodo) e Ian Holm (Bilbo aos 111 anos de idade).

Uma Jornada Inesperada pode não estar à altura das aventuras que o precederam, mas é composto por diversos grandes momentos, sequências espetaculares, diálogos interessantes e bem-humorados, além da ideia latente de que por menor e insignificante que, equivocadamente, volta e meia acreditamos ser, temos um papel decisivo a cumprir, se não na história do mundo, simplesmente em nossa própria história. O que não é pouca coisa.

Recomendado!

Nota: 8,0


* Em 2005 a produtora de Peter Jackson, Wingnut Films, moveu processo contra a New Line Cinema alegando não ter recebido parte dos lucros obtidos pela primeira parte da trilogia O Senhor dos Anéis. Entraram em acordo no final de 2007.

Em 2008 foi a vez dos parentes de Tolkien processarem a New Line pelo mesmo motivo. Firmaram acordo em setembro de 2009.

Bilheteria Brasil: 01-03/02

Chegou a hora de conferir quais foram os 10 filmes mais vistos nos cinemas brasileiros no último fim de semana.

E parece que o público nacional realmente gostou de “João e Maria – Caçadores de Bruxas” afinal o longa se manteve no topo da lista pela segunda semana.

Já entre as estreias da semana, a comédia “Inatividade Paranormal” ficou com a 2ª posição seguido pelos indicados ao Oscar “O Lado Bom da Vida” e “Os Miseráveis” que ficaram com a 3ª e 4ª colocações respectivamente. E “Caça aos Gangsteres” ficou apenas com a 9º posição.



Confira a Lista do TOP 10 nos Cinemas Nacionais:



1º João e Maria – Caçadores de Bruxas – R$ 6,2 milhões (R$ 21,5 milhões)
 João e Maria torrent

2º Inatividade Paranormal – R$ 2 milhões 

3º O Lado Bom da Vida – R$ 2 milhões 

4º Os Miseráveis – R$ 1,7 milhão

5º Lincoln – R$ 1,4 milhão (R$ 4,7 milhões)

6º De Pernas pro Ar 2 – R$ 1,3 milhão (R$ 46,7 milhões)

7º Django Livre – R$ 1,2 milhão (R$ 8,7 milhões)

8º Detona Ralph – R$ 913 mil (R$ 41,4 milhões)

9º Caça aos Gângsteres – R$ 744 mil 

10º As Aventuras de Pi – R$ 404 mil (R$ 28,4 milhões)




OBS: Estreias em Vermelho e Total Arrecadado entre Parenteses

Sucesso no teatro, 'Minha Mãe é uma Peça' vai virar filme

Minha Mãe é uma Peça torrent

Sucesso no teatro, 'Minha Mãe é uma Peça' vai virar filme

Paulo Gustavo descobriu que era ator quando criança, imitando a mãe em festinhas de família. A voz estridente, as ladainhas, as chantagens emocionais, os trejeitos repetitivos, tudo isso ele levou para o palco. "Minha Mãe É Uma Peça" está em cartaz há cinco anos, e o público continua rindo. Se a sua mãe não é como a dele, sua avó é. Ou sua tia. Ou a mãe de uma amiga. Daí as placas de "esgotado" nas bilheterias pelas quais o espetáculo passa.


No Rio, onde estreou, o monólogo, que vai ganhar outras personagens na versão para o cinema, em 2012, teve temporada popular em junho, e foi mais um sucesso. Sessões extras, filas de espera com até cem pessoas, cambista vendendo pelo triplo do preço oficial... Nos próximos sábados, mais viagens: dia 16, a apresentação será no Teatro Nacional, em Brasília; dia 23, no Positivo, em Curitiba. Depois tem nova temporada, em Niterói, a cidade de Paulo Gustavo Bastos.
Formado pela Casa de Arte de Laranjeiras (CAL) em 2005, o ator, que tem 32 anos, já se acostumou com a revolução que a figura de bobs na cabeça e avental na cintura fez em sua vida. Um milhão de espectadores não é uma marca qualquer no cinema, quanto mais no teatro. "A peça funciona em qualquer lugar. Estreei no (teatro) Cândido Mendes, com cem lugares, e na semana seguinte já era sucesso", conta, sem modéstia. "Não pretende ser nada cabeça, mas também tem fundo dramático. Ela fala da solidão. Já vi socialite de São Paulo de sapato de croco morrendo de rir, assim como a minha empregada. Já cobrei de R$ 30 a R$ 150."
A mãe dele, Déa Lúcia, que já deu muita entrevista reclamando, de brincadeira, 10% da bilheteria, sempre foi uma figura divertida, conhecida na galera do filho como "figuraça". Tiques dela e de outras mães foram dando forma à histriônica Dona Hermínia. Quando contrariada por um dos dois filhos, diz que sua "disritmia está atacando", ou pior: que vai acabar com "psoríase no cérebro". Choraminga porque não lhe dão valor, sustenta que "23 anos é 

‘X-Men: First Class’ Sequel Ideas Emerge

Se as primeiras críticas são qualquer indicação, parece que X-Men: First Class tem uma melhor que a média chance de se tornar uma história de sucesso dark horse neste verão.

Apesar do fato de que um grande número de fãs foram afiando suas garras e se preparando para fazer carne picada deste projeto desde seus primeiros estágios de desenvolvimento, tem havido alguma especulação de que o filme pode realmente vir a ser a melhor entrada no X -men franquia desde o muito elogiado X2: X-Men United .


A maré começou a virar um pouco após o lançamento de vários reboques e clipes , mas ainda há um nível surpreendentemente considerável de ceticismo quando se trata de X-Men: First Class . O peso da crítica parece centrar-se no fato de que a história tem liberdades significativas não só com a continuidade de quadrinhos, mas também com o cronograma estabelecido em parcelas anteriores. Semelhantemente escarranchando a linha entre ser um prequel e reboot total, o filme certamente tem uma abordagem ambígua para a mitologia - mas isso significa que não há escassez de opções para os cineastas quando se trata de decidir onde levar a série seguinte.

Diretor Matthew Vaughn e produtor Bryan Singer já deu a entender que outras parcelas poderia ser contra o cenário da década de 1970 ou 80 anos, mas não entrar em detalhes sobre a trama. Falando com HitFix , Vaughn revela que ele é definitivamente interessado em helming uma sequela de primeira classe - e que ele já tem uma ideia para a cena de abertura do próximo filme:

"Eu tenho algumas idéias para a abertura para o próximo filme. Eu pensei que seria divertido para abrir com o assassinato Kennedy, e revelamos que a bala mágica foi controlada por Magneto. Isso explicaria a física dele, e vemos que ele está chateado porque Kennedy tomou todo o crédito para salvar o mundo e mutantes nem sequer foram mencionados. E nós poderíamos ir de lá, e eu tenho algumas idéias divertidas sobre o que outros mutantes para trazer. Eu não quero tentar o destino, no entanto. Se o filme é um sucesso, é claro que eu estaria interessado. Eu realmente gostei de fazer isso. "

X-Men: First Class tem tomado algumas críticas por não incluindo mutantes mais reconhecíveis como parte de seu conjunto, mas Vaughn insiste que eles escolheram os personagens que serviria melhor a história. Em uma entrevista separada com MovieWeb , ele também indica que, se um follow-up foram para avançar, ele não estaria interessado em agitar a lista atual tanto assim. Na verdade, ele afirma que uma sequela só contaria com uma nova adição à equipe:

*** AVISO - O SEGUINTE COMENTÁRIO CONTÉM UM SPOILER PARA O FILME ***










"Só teremos mais um personagem novo. Eu não vou dizer quem ele ... Eu não vou dizer quem ele ou ela é! Mas só estaremos trazendo mais um novo personagem. Porque, eu acho, como o Professor X está em uma cadeira de rodas, Magneto precisa ter um inimigo com o qual ele possa lutar. Alguém que será seu igual. Eu sei quem é. Seria bom se eu pudesse dizer alguma coisa, mas não posso, companheiro! "


Como os fãs começam a teorizar que a personagem de Vaughn está se referindo, Ciclope e Jean Grey provavelmente vai emergir como pioneiros - apesar do fato de que a inclusão de qualquer um deles estaria em contradição com certas cenas de X-Men: The Last Stand e X-Men Origins: Wolverine . Então, novamente, o fim da Primeira Classe que as referências Vaughn acima já parece contradizer esses mesmos momentos. Como eu disse antes, parece que este filme vai dar a todos envolvidos uma grande quantidade de liberdade criativa quando se trata de traçar sequelas - então eu suspeito que realmente não há qualquer personagem que está fora dos limites neste momento.

X-Men: First Class pode ser re-imagem das origens cinemáticas destes personagens queridos, mas Vaughn diz que os fãs não deve excluir a possibilidade de ver Patrick Stewart ou Ian McKellen voltar a seus papéis icônicos algum lugar abaixo da linha:

"Eu já trabalhei com Sir Ian McKellen antes, e ele é um cara adorável. Eu adoraria trabalhar com ele novamente. Então, nunca diga nunca! "

Uma declaração como essa, provavelmente, apenas torná-lo mais complicado para quem está tentando fazer sentido de como todos esses filmes unir (não existe nada menos confuso quando você considera que X-Men 4 e 5 são, evidentemente, ainda em desenvolvimento como Bem), mas a idéia de seguiring nas encarnações atuais do Professor X e Magneto soa como um prometedor.

As reservas sobre o grau de aderência do filme ao material de origem são compreensíveis, mas parece que há uma chance decente de que mesmo os membros mais cínicos do público serão finalmente conquistados.

Nós vamos descobrir quando X-Men: First Class estreia nos cinemas em 3 de junho.

Fonte: HitFix e MovieWeb .


GLOBAL: 'X-Men: Days Of Future Past' Breaks 'Avatar' Record As Fox International's Biggest Overseas Debut Of All Time

A $261.78 million haul in a day-and-date opening around the world puts X-Men: Days of Future Past front and center on the global box office stage. None of the films in Fox's X-Men franchise have reached the $500 million global mark at the box office, a streak that will likely be broken with the latest installment of the mutant superhero franchise. The X-Men cross-over sequel scored the highest global opening weekend of any film in the franchise and eclipsed Avatar as the biggest Fox International opening weekend of all time.The film's day-and-date debut also accounts for the biggest global opening of 2014.

The film nearly doubled its North American box office figures overseas, where it collected a $171.08 million haul in its debut. 

Market Breakdown

China

$37.7M 
- Only 5% behind Titanic 3D bow.

UK 
Ÿ$14.2M
-Ÿ Biggest X-Men opening ever
Ÿ 
South Korea
Ÿ$13.5M
-Ÿ Fox's biggest opening of all time (beating Avatar)

France
Ÿ$10.6M
Ÿ - Biggest MPA opening in 2014

Mexico
Ÿ$10.4M
- Fox's second highest opening ever (only behind Ice Age 4)
Ÿ 
Russia
Ÿ$10.3M
Ÿ - Biggest X-Men opening ever
Ÿ 
Brazil
Ÿ$8.0MŸ 
- Fox's biggest opening of all time (beating RIO 2)!
Ÿ 
Australia
Ÿ$7.7M
Ÿ - Biggest Industry opening in 2014
Ÿ - Biggest X-Men opening ever
Ÿ 
Germany
Ÿ$4.7M
Ÿ - #1 in the market, taking nearly 50% market share
Ÿ 
Philippines
Ÿ$3.9M
Ÿ - Fox's biggest opening of all time

India
Ÿ$3.9M
Ÿ - Fox's biggest opening of all time

Godzilla stomped through the $300 million mark worldwide after claiming$34.5 million from 13,700 screens in 64 markets, raising its overseas haul to $166.6 million. The monster movie has now grossed $315.3 million worldwide. Godzilla has taken in more than $34 million worldwide from IMAX screenings.

Top overseas performers include the United Kingdom ($4.3M Weekend / $19.3M Cume), Russia ($2.5M Weekend / $13.2M Cume), Mexico ($2.4M Weekend / $13.2M Cume), France ($2.4M Weekend / $9.8M Cume), Australia ($2.3M Weekend / $10.2M Cume), and Germany ($2.3M Weekend / $8.9M Cume)

Godzilla expands to China on June 13 and to Japan on July 25.

The Amazing Spider-Man 2 swung past the $675 million global mark this weekend, netting $11.2 million from 92 territories to raise its overseas cume to $489 million. The superhero sequel has grossed $676.1 million worldwide. Top markets for the film include China ($90.4M), the UK ($39.7M), South Korea ($33.7M), Mexico ($28.3), and Japan ($27.5M).

Neighbors brought in $8.2 million from 2,600 dates in 35 territories during its third weekend overseas. The film has now grossed $67.4 million outside of North America to reach a global cume of $181 million. The film continued to post strong holds in markets like the UK ($2.2M Weekend / $22.8M Cume), Germany ($1.8M Weekend / $12.1M Cume), and Australia ($1.7M Weekend / $13.6M Cume). The comedy will expand to 22 additional territories in the coming months. 

Frozen keeps on grossing overseas thanks to an incredible run in Japan, where the film has occupied the #1 spot for the 11th consecutive weekend. Frozen is now the biggest Disney film of all time in the market and the #4 film of all time in Japan with a market total of $193.7 million following this weekend's $6.7 million take. Frozen has grossed $818.7 million overseas and $1.219 billion worldwide.

Rio 2 collected $4.3 million to bring its overseas total up to $329.2 million. The film's consistent performance overseas has helped it reach a global cume of $450 million.

The Other Woman discovered another $3.8 million overseas this weekend, lifting its total outside of North America to $89.9 million. The comedy has grossed $164.6 million worldwide with six markets left on the schedule, including: Spain, France , Italy and South Korea.

Blended opened to $2.1 million from 750 screens in the UK and Germany, taking an early global cume of $16.3 million.

« Pagina Anterior Página inicial